sexta-feira, 29 de agosto de 2008

EXPERIMENTA...EXPERIMENTA!

(Carlos Ramalho)

Não é de hoje que a televisão tem forte influência na vida das pessoas. Aqui ou em qualquer lugar do mundo esta ferramenta de "comunicação" tem sido utilizada como uma arma forjada para alimentar milhões de pessoas. Também não é de hoje que o secularismo e o ocultismo propagado através da TV têm invadido sutilmente a igreja e a vida dos cristãos.

A TV por si só não traz malefícios quando bem aplicada. Entretanto o que temos observado é que o sistema social atual tem se pautado pela busca desenfreada da auto afirmação e da realização pessoal independente dos meios e conseqüências para se chegar ao ápice da felicidade. Desta forma a TV tem exercido um poder maligno de influência sobre as pessoas além de veicular uma falsa realidade.

Nos últimos meses, por exemplo, chegamos ao limite. Como um grande coral formado por brasileiros do Oiapoque ao Chui a canção uníssona regida pela maestrina TV era única. Quer pagar quanto? Experimenta...Experimenta! Quem não se familiarizou com estes bordões? As empresas e a TV extrapolaram e conseguiram o que queriam, ou seja, atrair a atenção dos telespectadores.

INOVAÇÃO? O que há de inovação nisto? Particularmente não vejo nenhuma novidade nestas coisas. Analisemos por exemplo, o bordão: Experimenta...Experimenta!

A palavra experimenta é derivada do verbo experimentar e conforme dicionário pode ser assim entendida: 1 - Submeter a experiência; 2 - Aprender pela experiência; 3 - Verificar pelo uso; 4 - Sofrer, suportar, sentir; 5 - Adquirir experiência.

Realmente o experimentar é a melhor maneira de conhecer alguma coisa. Entretanto ao longo dos anos temos observado pessoas que passa boa parte de suas vidas buscando uma resposta para sua existência. Perguntas do tipo: O que estou fazendo aqui? Porque eu nasci? Será que vou sofrer até a morte? Será que nunca vou ser feliz?

Historicamente, a igreja de Cristo aqui na terra não tem feito outra coisa a não ser pregar e convidar todas as pessoas a EXPERIMENTAREM JESUS. E aquele que realmente o EXPERIMENTA nunca mais é o mesmo. No salmo 34:8 diz: Provai e vede que o Senhor é bom. Na verdade Ele é mais do que bom, é misericordioso, extraordinário, maravilhoso. Ele é mais do que pensamos ou agimos. O EXPERIMENTAR neste caso, significa viver uma vida plena, completa, uma vida transformada e feliz.

Quando EXPERIMENTAMOS JESUS não só as práticas televisivas já não atraem mais a nossa atenção, mas tudo aquilo que não glorifica o nome do Senhor, pois todo engano é banido da nossa mente e coração, ou seja, nascemos de novo. E mais do que isso não nos deixamos ser alimentados nem contaminados com a porção diária e as iguarias (Dn 1:8) que a TV produz. Neste caso buscamos nos SUBMETER, APRENDER, PROVAR, SOFRER, SUPORTAR, SENTIR E A EXPERIMENTAR JESUS. Somos, então, transformados de glória em glória (II Cor. 3:18) como a luz da aurora que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito (Pv. 4:18).

Vinde a mim todos vos que estais cansados e oprimidos e eu vos aliviarei (Mt 28:11).

Esta é a promessa de Deus que tenhamos uma vida completa, ou seja, vida eterna através de Cristo Jesus.

Provai e vede que o Senhor é bom (Sl 34:8)

Portanto, EXPERIMENTA JESUS EXPERIMENTA!
.
Um forte abraço,
.
Carlos Ramalho
In: 01/01/2004

Nenhum comentário: