segunda-feira, 30 de maio de 2011

Sarau da Ophicina Popular de Poesia

Por Carlos Ramalho

Paticipei com muita alegria no último dia 07 de maio no Diadorim Livros e Café no Bairro Coração Eucarístico do encerramento do Sarau da Ophicina Popular de Poesia promovida pelo poeta e escritor Rogério Salgado.

Como sempre, num clima descontraído e divertido, diversos poetas e poetisas presentes participaram compartilhando belos poemas no evento.

Abaixo algumas fotos do evento.

Para quem esteve lá e desejar baixar todas as fotos (5 arquivos) é só acessar o link:

http://www.4shared.com/dir/_f02g6IH/_online.html


Abração a todos,

Carlos Ramalho

domingo, 8 de maio de 2011

Poemas - 35 anos de Carreira de Rogério Salgado

Livro: 1975...2010 - Poemas - 35 anos de carreira
(Release Por Carlos Ramalho)


.
Para quem gosta de poesias, indico o excelente livro do Poeta e escritor Rogério Salgado.
.


Celebrando 35 anos de uma vida precursora dedicada a poesia, Rogerio resgata neste livro, poesias profundas que nos remete ao pensamento literário acerca da tradução fiel de um estilo de vida cotidiano, observador e dinâmico.
.


Rogério Salgado é um renomado poeta e escritor, tendo trabalhos publicados no Brasil e no exterior. É também o organizador do Belô Poético, evento anual que ocorre na Capital das Minas Gerais e que reune poetas de todos os estados Brasileiros. Neste ano (2011) já em sua VII - Edição.
.


Fica ai a dica. Espero que aproveitem.
.


Forte abraço,

.

Carlos Ramalho

segunda-feira, 2 de maio de 2011

Osama Bin Laden - O Assassino, Assassinado

Pelo pouco que entendo da ideologia de segurança secreta americana, nunca pensei que eles fossem deixar Osama Bin Laden cair no esquecimento. Até porque ele era o terrorista mais procurado do mundo, após assumir ter arquitetado o pior ataque da história dos Estados Unidos, em que as conhecidas Torres Gêmeas vieram ao chão.

Hoje, chega à notícia de que Osama Bin Laden está morto (Leia mais aqui). Após 9 anos de procura, e intenso rastreamento ao principal interlocutor de Osama, o serviço secreto americano ordenou ataques a um resort no Paquistão onde o terrorista se encontrava. Diferente de quem achava que o terrorista estivesse escondido em cavernas das montanhas paquistanesas, Bin Laden gozava de mordomias, muito luxo e luz do sol.

A população americana muito comemorou a noticia, porém analistas dizem que é bom que os países do Ocidente ligados aos Estados Unidos acendam os alertas, pois retaliações podem acontecer a qualquer momento e em qualquer lugar.

Afinal, o mundo fica mais seguro sem Osama Bin Laden? Não teria os Estados Unidos também praticado terrorismo, embora em nome da Democracia?

Enfim... A pergunta que deixo a todos os que acessam este blog é qual lição podemos tirar de todo este imbróglio? Se é que existe lição...

Não me vem outro pensamento senão meditar nas sábias palavras de São Francisco de Assis que diz na poesia de um de seus mais belos cantos: “onde houver ódio que eu leve o amor...”.

Que assim seja em todo o tempo, que possamos levar amor onde existe ódio.

Forte abraço,

Carlos Ramalho

Voo AF 447 - Encontraram a Caixa Preta

Confesso que tinha lá minhas dúvidas acerca das incursões francesas no oceano atlântico no que se refere encontrar as caixas pretas do Vôo AF 447 que caiu após decolar do Rio de Janeiro com destino a Paris. Digo isto porque naquela imensidão de água encontrar um objeto minúsculo é algo realmente muito desafiador. Ontem, porém os sites de noticias davam grande ênfase a todo o momento ao feito Frances. Encontraram a caixa preta do AF 447 (Leia mais aqui).

Talvez você possa se perguntar, mas o que isto vai adiantar?

Bem... Primeiramente fica a lição da seriedade de um governo em conjunto com a iniciativa privada, em apurar as possíveis causas em que se deu o acidente. Daí a possibilidade da aviação civil mundial atuar na prevenção aérea.

Fica registrado também o exemplo que muitos países deveriam seguir acerca de situações de catástrofes não esclarecidas.

Lendo um comentário de um internauta sobre o caso, achei muito interessante quando ele ponderou que se as apurações estivessem sob responsabilidade do Brasil o resultado final seria este: o governo encerraria o caso dizendo ser impossível encontrar qualquer objeto no fundo do oceano.

Agora é esperar os resultados da análise da caixa preta o que deve ocorrer em tempo recorde.

Vamos aguardar!

Abraços,

Carlos Ramalho