segunda-feira, 2 de maio de 2011

Osama Bin Laden - O Assassino, Assassinado

Pelo pouco que entendo da ideologia de segurança secreta americana, nunca pensei que eles fossem deixar Osama Bin Laden cair no esquecimento. Até porque ele era o terrorista mais procurado do mundo, após assumir ter arquitetado o pior ataque da história dos Estados Unidos, em que as conhecidas Torres Gêmeas vieram ao chão.

Hoje, chega à notícia de que Osama Bin Laden está morto (Leia mais aqui). Após 9 anos de procura, e intenso rastreamento ao principal interlocutor de Osama, o serviço secreto americano ordenou ataques a um resort no Paquistão onde o terrorista se encontrava. Diferente de quem achava que o terrorista estivesse escondido em cavernas das montanhas paquistanesas, Bin Laden gozava de mordomias, muito luxo e luz do sol.

A população americana muito comemorou a noticia, porém analistas dizem que é bom que os países do Ocidente ligados aos Estados Unidos acendam os alertas, pois retaliações podem acontecer a qualquer momento e em qualquer lugar.

Afinal, o mundo fica mais seguro sem Osama Bin Laden? Não teria os Estados Unidos também praticado terrorismo, embora em nome da Democracia?

Enfim... A pergunta que deixo a todos os que acessam este blog é qual lição podemos tirar de todo este imbróglio? Se é que existe lição...

Não me vem outro pensamento senão meditar nas sábias palavras de São Francisco de Assis que diz na poesia de um de seus mais belos cantos: “onde houver ódio que eu leve o amor...”.

Que assim seja em todo o tempo, que possamos levar amor onde existe ódio.

Forte abraço,

Carlos Ramalho

Um comentário:

Willian Couto disse...

Graça e Paz do Senhor Jesus...

Amigo realmente somente o amor salva...este pode tudo.

Ótimo texto, e quem viver verá, pois também acredito que não acabou por aí.

Abraços.

Willian Couto
http://williancouto.com.br