sábado, 11 de maio de 2013

Visita ao Ministério Público de Minas Gerais

Por Carlos Ramalho

Foi com grande alegria e satisfação que participei no último dia 09/05 de evento promovido pela Faculdade de Direito de Contagem (FDCON) da qual sou acadêmico de Direito junto ao Ministério Público de Minas Gerais. O intuito era além de conhecer a estrutura do MPMG debater sobre as implicações da chamada PEC 37 que tem como objetivo retirar o poder de investigação criminal do Ministério Público e que se encontra em tramitação no Congresso Nacional.

Na oportunidade foram ministradas palestras pelo corregedor do MPMG, procurador de Justiça Luiz Antônio Sasdelli, e pelo promotor de Justiça Jairo Cruz Moreira, assessor especial da Procuradoria-Geral de Justiça Adjunta Administrativa.

Após as palestras fomos convidados a uma visita guiada ao Memorial do MPMG onde pudemos conhecer um pouco da história desta renomada instituição que presta relevantes serviços a sociedade mineira e brasileira.

Quero deixar registrado em nome de todos os alunos o nosso muito obrigado ao professor Bruno Terra que intermediou junto ao MPMG o evento, bem como a Professora Cida Vidigal pela logistica empreendida para o sucesso do mesmo.

E que venham outros eventos.

É o "puder" (rs)

Carlos Ramalho

2 comentários:

kelrin torres disse...

Ola carlos !
Primeiramente gostaria de parabenizar pelo blog, gosto muito dos seus textos. Vi que você estuda na faculdade Fdcon, gostaria de saber se é uma boa instituição se vocé gosta, estou querendo fazer o vestibular esse ano.
Obrigada. Kelrin

Carlos Ramalho disse...

Ola Kelrin,

Desculpe pela demora em responder sua mensagem. Andei um pouco afastado do blog em virtude de muitos compromissos.

Agradeco a sua visita e com relação ao seu questionamento sobre a FDCON tenho a melhor impressão a lhe passar. Até o presente momento não há nada que desabone a instituição. Grade curricular adequada, proposta pedagogica dinâmica e atualizada, professores engajados e atuante nas diversas áreas do direito. Tenho certeza que você gostar, caso decida pela FDCON.

Abraço,

Carlos Ramalho